Secretaria de Cultura no Twitter  Secretaria de Cultura no YouTube  Secretaria de Cultura no Facebook

Revista 

nuvem de tags

arthur   carro   contos-de-fadas   cultura-portuguesa   cyclophonica   frida-kahlo-a-deusa-tehuana   interseccoes   lucia   maira-freitas   simplesmente-nelson

nuvem de tags
Notas

A exposição O Cronista Graciliano no Rio de Janeiro, em cartaz no Arte Sesc, foi prorrogada até 31 de maio.

17/04/2015


O espetáculo S'imbora, o musical - A história de Wilson Simonal está de volta, agora no Teatro João Caetano. A temporada segue até 31 de maio. Mais informações aqui.

17/04/2015


O filme Boa Sorte, de Carolina Jabor, venceu o prêmio de Melhor Filme eleito pelo público no 17º Festival de Cinema Brasileiro de Paris. O Festival aconteceu de 7 a 14 de abril, no Cine L’ Arlequin.

15/04/2015


Até sexta (17/04) a Comissão de Cultura da Alerj recebe indicações para o Diploma Heloneida Studart de Cultura. A homenagem será entregue em maio a produtores, ativistas e instituições culturais.

15/04/2015


todas as notas

Bienal de Música Brasileira Contemporânea reúne iniciantes e mestres da composição

Peças inéditas serão apresentadas na cidade até o dia 19

Matérias 10.10.2011 deixe aqui seu comentário

Orquestra Sinfônica da UFRJ

Orquestra Sinfônica da UFRJ  (Crédito: Carlos Sadicoff/Divulgação)

Chegou o momento de descobrir talentos espalhados pelo Brasil: começa, hoje (10/10), a Bienal de Música Brasileira, no Teatro João Caetano, Centro, às 19h, reunindo 59 peças escolhidas por concurso e outras 15 encomendadas pela Funarte – todas inéditas. Organizado pela Fundação Nacional de Artes (Funarte), o evento estreia com novidades: pela primeira vez, os compositores que venceram a disputa, e agora participam da mostra, foram remunerados por suas obras (os prêmios variaram entre R$ 8 mil e R$ 30 mil). Uma grande oportunidade para esses novos nomes e para o público, que tem a oportunidade de ouvir uma seleção eclética de canções a preços acessíveis (os ingressos custam R$ 2).  


Nesta 19ª edição, que homenageia o compositor e pianista Almeida Prado (1943-2010), um dos criadores surgidos na primeira bienal, destacam-se obras de Edino Krieger, Raul do Valle, Tim Rescala, Jorge Antunes e Ricardo Tacuchian, que receberam R$ 12 mil pelo trabalho, cada um. Também haverá apresentações da Orquestra Sinfônica Nacional, da Petrobrás Sinfônica, da Orquestra da Escola de Música da UFRJ e da pianista de origem japonesa Midori Maeshiro, que se apresenta hoje, 10/10, executando peças de Alexandre Schubert, Wellington Gomes e Danilo Valadão.


Além do Teatro João Caetano, a Bienal de Música Brasileira é realizada na Sala Funarte Sidney Miller e o Salão Leopoldo Miguez, da Escola de Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), sempre às 19h, exceto no domingo, com mais uma apresentação às 16h. 


Confira as apresentações em Programação Cultural


 indique para amigo         versão para impressão

 permalink

Compartilhe:   facebook   twitter   orkut   delicious   digg   technorati   google   stumbleUpon


tags

bienal-de-musica-contemporanea

funarte

concurso

comentários

Não há comentários até o momento.


* campos obrigatórios














500 caracteres restantes


Digite os caracteres que aparecem na imagem abaixo:

Verificação